Como funcionam as eleições dos deputados?

Entenda de uma vez por todas o que são eleições proporcionais e como as suas regras afetam o resultado do pleito

Imagem de Drazen Zigic, no Freepik27 de outubro

Após um extenso dia de votações, finalmente chega a hora da apuração. A candidata Paula obteve 6 mil votos, enquanto a candidata Vanessa teve 8 mil. Qual das duas foi eleita? A resposta é: depende.

É preciso saber a qual cargo elas estão concorrendo. Isso porque, no sistema eleitoral brasileiro, alguns postos têm eleições majoritárias, enquanto outros têm eleições proporcionais. E os cálculos são diferentes.

O que são eleições majoritárias?

As eleições majoritárias são aquelas em que é considerado eleito o candidato que tiver o maior número de votos válidos. No Brasil, esse sistema é utilizado para eleger presidente da república, governadores de estado e do Distrito Federal, prefeitos e senadores.

Simples, né?

O que são votos válidos?

Votos válidos são a soma de todos os votos, excluídos aqueles brancos e nulos.

O que são eleições proporcionais?

As eleições proporcionais são utilizadas para eleger deputados, estaduais e federais, e vereadores. Nessa modalidade, os votos são contabilizados por partido, e as cadeiras são divididas proporcionalmente entre os candidatos mais bem colocados.

Complexo… Mas fica mais fácil quando você entende o quociente eleitoral.

O que é quociente eleitoral?

O quociente eleitoral é a fórmula matemática que define os partidos que irão ocupar as vagas em disputa. A fórmula do quociente eleitoral (QE) divide o número de votos válidos (Vo) pelo número de vagas (Va). O resultado dessa conta é a quantidade de votos necessários para ocupar cada cadeira

Por exemplo, se o quociente eleitoral de um município é 20 mil, o partido que obtiver 60 mil votos elegerá os seus três candidatos a vereador melhor votados (dentro de alguns critérios, como a cláusula de barreira), mesmo que algum deles não tenha alcançado, individualmente, o quociente eleitoral.
O objetivo dessa conta é garantir que a quantidade de candidatos eleitos por partido seja proporcional à quantidade de votos que o partido recebeu. Por isso, nas eleições proporcionais é possível votar em um partido, digitando apenas o número da sigla.

Recentemente, publicamos um outro texto sobre a relação das eleições com a matemática. Acesse clicando aqui.


Mentalidades Matemáticas

    Cadastre-se para aproveitar todos os nossos conteúdos gratuitos!

    *Ao preencher o formulário, concordo em receber comunicações de acordo com meus interesses e afirmo estar de acordo com a Política de Privacidade.
    **Você poderá alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.
    Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

    Mentalidades Matemáticas

      Cadastre-se para aproveitar todos os nossos conteúdos gratuitos!

      *Ao preencher o formulário, concordo em receber comunicações de acordo com meus interesses e afirmo estar de acordo com a Política de Privacidade.
      **Você poderá alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.
      Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

      Mentalidades Matemáticas

        Cadastre-se para aproveitar todos os nossos conteúdos gratuitos!

        *Ao preencher o formulário, concordo em receber comunicações de acordo com meus interesses e afirmo estar de acordo com a Política de Privacidade.
        **Você poderá alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.
        Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.