Feliz Dia Internacional da Matemática!

14 de março

Além de ser a data de nascimento de Albert Einstein, o dia 14 de março é uma data curiosa porque a sua grafia no padrão estadunidense (3/14) se assemelha à do valor aproximado de π (3,14). Dois motivos relevantes o suficiente para que hoje seja o Dia Internacional da Matemática.

Uma boa parte dos conteúdos aqui do blog se dedica a mostrar como a matemática pode ser percebida em todas as coisas, desde as mais simples àquelas complexas. E em um mundo cada vez mais voltado à inteligência artificial e ao processamento de dados, a ciência dos números e dos padrões é ainda mais presente no cotidiano.

Por que as pessoas têm medo da matemática?

Na escola, a matemática geralmente é a disciplina mais temida entre alunos e alunas. Os métodos tradicionais de ensino podem levar os estudantes a entender a matemática como um grande decoreba de fórmulas e tabuadas, o que – cá entre nós – não é lá muito interessante mesmo.

Se a matemática pode ser encontrada em absolutamente tudo, deixar de explorar as inúmeras possibilidades didáticas é subestimar o potencial de estudantes e educadores. É possível ensinar a matemática apostando na criatividade e na visualidade, onde o estudante é o protagonista do seu próprio aprendizado.

O tema escolhido para o Dia Internacional da Matemática desse ano é “a matemática que une”, algo que faz parte do conceito do Mentalidades Matemáticas. Incentivamos a colaboração, a argumentação e os questionamentos, e propomos atividades e conteúdos que ativam diferentes partes do cérebro. Sempre há diferentes caminhos para chegar à solução do problema, e aqui o caminho traçado é mais importante que o resultado.

Todas as pessoas são seres matemáticos e capazes de aprender a matemática em altos níveis. Apenas através de uma educação inclusiva, equitativa e de qualidade será possível diminuir as desigualdades de raça e de gênero entre os profissionais das áreas das exatas. Este é o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável de número 4, proposto pela Organização das Nações Unidas. 

Este também é um dos principais objetivos da abordagem Mentalidades Matemáticas. Que cada escola pública brasileira possa promover uma educação de qualidade e acreditar nos seus meninos e meninas. Que eles e elas tenham garantidos o direito de sonhar alto. E que todos os dias sejam Dias da Matemática.

Conheça melhor a abordagem Mentalidades Matemáticas clicando aqui.