Onde a matemática está presente no esporte?

Onde a matemática está presente no esporte? ​

Para quem pensa que ter um bom desempenho no esporte exige apenas treino intenso e condicionamento físico, está enganado. Pode parecer estranho à primeira vista, mas até a matemática faz a diferença quando o assunto é esporte (e não estamos falando só da pontuação!). Quer ver como a disciplina está presente nos campos e nas quadras também? A gente conta a seguir.

A matemática do esporte

Photo by <a href="https://unsplash.com/@sambalye?utm_source=unsplash&utm_medium=referral&utm_content=creditCopyText">Sam Balye</a> on <a href="https://unsplash.com/s/photos/olympic?utm_source=unsplash&utm_medium=referral&utm_content=creditCopyText">Unsplash</a>
Imagem: Unsplash

Futebol

Um campo de futebol é uma verdadeira aula de geometria! Tem retângulos, círculos… Os jogadores nem percebem, mas durante a partida eles fazem uma série de cálculos mentais. É o caso de estimar a distância entre o colega de equipe ou o gol para decidir com que força chutará a bola para alcançá-los.

<a href='https://www.freepik.com/vectors/background'>Background vector created by macrovector - www.freepik.com</a>
Imagem: Freepik

A matemática influencia até nas regras da partida. Sabe aquela história de que os goleiros não podem se adiantar na cobrança do pênalti? A questão é que se eles caminham cerca de 3,5 m para a frente do gol, toda a área do gol fica protegida, já que o ângulo do batedor diminui. Para saber mais, vale conferir este vídeo do professor Leo Akio. Ele mostra que até o VAR faz uso da matemática!

Surfe

Não é raro ver em provas de matemática questões sobre o surfe. Algumas pedem que se calcule, por exemplo, os ângulos das ondas, entre outras medidas. Mas talvez nunca ninguém tenha explorado tanto a relação entre o esporte e a disciplina quanto o australiano Neville de Mestre. Também pudera: ele é matemático e surfista. 

Imagem de <a href="https://pixabay.com/pt/users/kanenori-4749850/?utm_source=link-attribution&utm_medium=referral&utm_campaign=image&utm_content=2212948">Kanenori</a> por <a href="https://pixabay.com/pt/?utm_source=link-attribution&utm_medium=referral&utm_campaign=image&utm_content=2212948">Pixabay</a>
Imagem: Pixabay

Anos atrás, ele ficou famoso pela autoria de um artigo científico em que explora a matemática e a física por trás do bodysurfing. Entre as suas análises está a explicação para os surfistas dobrarem as pernas durante um movimento. Ato quase instintivo para os atletas na busca pelo equilíbrio para tentar permanecer mais tempo na onda, o matemático aponta que isso ajuda a reduzir a força contrária. Em entrevista à Folha de S.Paulo, ele deu mais detalhes sobre o seu trabalho. 

Atletismo

Se tem uma coisa que os praticantes de atletismo fazem é conta. Para superar a própria marca, eles precisam medir sua velocidade, calcular distâncias… A matemática dita até o regulamento da modalidade. Já reparou, por exemplo, que nas provas de corrida em pista oval cada competidor sai de uma posição diferente? A explicação está na matemática: pelo formato da pista, essas aparentes diferenças são necessárias para garantir que todos percorram exatamente a mesma distância. 

Photo by <a href="https://unsplash.com/@bradencollum?utm_source=unsplash&utm_medium=referral&utm_content=creditCopyText">Braden Collum</a> on <a href="https://unsplash.com/s/photos/runner?utm_source=unsplash&utm_medium=referral&utm_content=creditCopyText">Unsplash</a>
Imagem: Unsplash

Os saltos também fazem parte do atletismo e estão repletos de matemática. Provas nacionais como o ENEM até já se inspiraram na modalidade em suas questões. Se formos pensar no salto triplo, em que o praticante deve saltar três vezes, é preciso calcular a distância alcançada entre os saltos para determinar uma meta.

Natação

Cálculos e conceitos matemáticos não estão restritos à pontuação ou à velocidade dos nadadores. Para atletas de alto rendimento, até os seus trajes podem contar com uma forcinha da matemática. Embora os chamados supermaiôs levantem polêmicas nas competições, fato é que eles podem colaborar com o desempenho. A tecnologia envolvida aumenta a hidrodinâmica e diminui a resistência entre o corpo e a água. 

Photo by <a href="https://unsplash.com/@bmatangelo?utm_source=unsplash&utm_medium=referral&utm_content=creditCopyText">Brian Matangelo</a> on <a href="https://unsplash.com/s/photos/swimmer?utm_source=unsplash&utm_medium=referral&utm_content=creditCopyText">Unsplash</a>
Imagem: Unsplash

Lembrou da aula de física? A hidrodinâmica, que estuda o movimento dos fluidos (líquidos e gases), conta com fórmulas e modelos matemáticos. Em projetos de engenharia, como sistemas de abastecimento de água, é mais comum ver essa ciência na prática, mas até a moda esportiva pode se aproveitar dela!

Que tal usar essas referências da matemática no esporte em sala de aula? Mostrando para os alunos que a disciplina está muito além dos livros didáticos, isso contribui para motivá-los no aprendizado e entender sua real importância. Aqui no blog do Mentalidades Matemáticas já provamos, também, que a matéria está na natureza, na moda e até na pizza… Vale treinar o olhar para descobrir!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

10 Comentários

  • Massa demais. Eu queria saber sobre a trigonometria e geometria utilizada nas navegações. Se um dia fizer uma matéria sobre, irei ler com certeza.

  • Todos os esportes envolvem a matemática

  • Exelente!

  • Eu professora de matematica do ensino medio adorei a matéria, com toda certeza vai ajudar na minha disciplina.

  • Muito boa essa matéria! Vou já passar para os professores de Educação Física e Matemática da nossa escola!

    • Muito bom é importante saber no que as disciplinas interferem nos esportes e em tudo a nosso redor….adorei

  • Todos esportes envolvem a matemática

  • Todoa esporte envolvem a matemática

  • Parabéns pelo artigo, precisamos de conteúdo com essa qualidade.

    • Excelente matéria, ótimas dicas .
      Espero receber sempre mais novidades como estas

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *